ÁREA DO ASSINANTE






Atualizado em 27/09/2017

Acontece em política – Hélio Machado

Descaso com a saúde

Sem interesse e vontade política dos governos estadual e federal em investir mais, para atender as necessidades básicas da população humilde, mais necessitada, a saúde pública vai de mal a pior. O maior problema é que, apesar das tentativas, não de consegue sensibilizar o poder público a vê-la com outros olhos, a priorizá-la efetivamente na prática, como se faz no discurso. Esta triste realidade foi constatada mais uma vez, na audiência pública da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, em Belo Horizonte, semana passada, em que se discutiu, pontualmente, a falta de recursos para atender as pessoas com deficiência. A crítica situação do Centro de Órtese e Prótese, instalado no bairro de Lourdes, em Montes Claros, sem estrutura para atender à crescente demanda deste público-alvo, de 67 municípios do Norte de Minas, motivou a reunião. Ela teve a participação dos vereadores Valdcir da Ademoc e Rodrigo Cadeirante e da vereadora Maria Helena Lopes, que defendem as pessoas com deficiência. Aliás, os dois vereadores pertencem a este público-alvo e trabalham para atender às necessidades, criar perspectivas de melhorar a qualidade de vida deste expressivo número de pessoas na cidade.

Constatou-se na audiência, durante as falas, que o governo não libera recursos para aquisição de órteses e próteses, para atender à demanda e permitir que as pessoas tenham condições de se locomover. Por conta disso, o município fica em dificuldades, meio que de pés e mãos atados, sem condições de dar uma resposta positiva a estas pessoas de Montes Claros e de outros municípios da região. Há pessoas na fila de espera, há três anos, sem perspectiva de atendimento. Quem depende deste suporte da saúde pública para se locomover, não vê, pelo menos por enquanto, qualquer chance de êxito. O drama de centenas de pessoas simples foi relatado na reunião, em que comprovou-se a falta de compromisso do po der público em ampará-las e lhes dar as condições de se locomover. Confirma-se mais uma vez que a prioridade à saúde só existe na teoria, totalmente sem conexão com a prática, o que é extremamente lamentável.

 

PPS – O PPS realizou Congresso Municipal, neste sábado pela manhã, no Plenário da antiga Câmara Municipal, em que empossou sua nova diretoria, eleita há poucos dias, para comandar seus destinos nos próximos dois anos. O novo presidente é o contador Odilon Paixão, que tem prestado destacados serviços ao partido, com seu jeito simples mas eficiente de agir, de pôr em prática a habilidade para contornar as situações mais adversas. Ele substitui ao vereador licenciado e atual secretário municipal de Planejamento e Gestão, Cláudio Rodrigues de Jesus, o conhecido Claudim da Prefeitura, que esteve no comando do PPS por um bom período.

PREFEITO – Apesar da participação de algumas lideranças, a estrela maior do Congresso do PPS, como não poderia deixar de ser, foi o prefeito Humberto Souto, que passou sua mensagem firme aos correligionários. Como uma gravação estragada, ele não abre mão do discurso inicial, de quando tomou posse, de que recebeu um município em frangalhos, totalmente arrasado, o que impede a administração de se deslanchar com mais rapidez. Humberto insiste em olhar o retrovisor, mesmo consciente de que isso não vai adiantar nada. O que mais interessa, agora, é olhar para frente, mirar o futuro e trabalhar para atender as necessidades da população.

PCDOB – Outro partido que se movimentou também no Plenário da antiga Câmara Municipal, nesse sábado à tarde, foi o PCdoB, que realizou mais um encontro. O partido elegeu novamente o vereador Daniel Dias para continuar a presidi-lo por mais um período. Além do que, tem o foco nas eleições do próximo ano, com a disposição de participar diretamente do processo eleitoral. A intenção da sigla é de lançar candidatos a deputado estadual do Norte de Minas. O partido já identificou pretendentes em alguns municípios, mas não descarta a possibilidade de lançar apenas um candidato, pelo menos em tese, com maior chance de êxito nas urnas.

 PAUTA – Com a pauta cheia, mais uma vez, a Câmara Municipal realiza a tradicional reunião ordinária nesta terça-feira, a partir das oito horas da manhã, sob a presidência do vereador Cláudio Prates, do PTB. Com parecer de legais e constitucionais da Comissão de Legislação, Justiça e Redação, presidida pelo vereador Valcir da Ademoc, do PTB, seis projetos constam dela e serão apreciados e votados em Plenário, com perspectivas de que sejam aprovados. Além disso, os vereadores, como de costume, usarão a tribuna no espaço reservado aos assuntos gerais para cobrar da administração municipal mais atenção às suas bases na zona urbana e rural.

CIDADANIA – Um dos projetos, que deve ser aprovado por unanimidade é de autoria do vereador Wilton Dias, do PHS, secretário da Câmara, que visa homenagear o advogado e empresário Hércules Costa Silva. O vereador quer concedê-lo o título de Cidadão Honorário, pelos importantes serviços prestados ao município, como competente operador do Direito, atuante em diversas comarcas e como empresário, um dos sócios das Faculdades Santo Agostinho, contribuindo para a construção do desenvolvimento do município através da formação de profissionais qualificados em diferentes áreas e da geração de empregos. Homenagem das mais justas.

CANDIDATURA – Eleita ano passado para cumprir o primeiro mandato à Câmara Municipal, a vereadora Néia do Criança Feliz, do PSDC, não pretende parar por aí. Pelo contrário, deseja alçar voos mais altos na política. Com trabalho consistente desenvolvido ao longo dos anos, que a levou ao Legislativo, ela prepara-se para voltar às urnas, nas eleições do próximo ano. Néia será candidata à cadeira na Assembleia Legislativa. Para tanto, articula com este objetivo. Aliás, a vereadora é a aniversariante desta terça-feira. Com certeza, será bastante festejada pelos colegas de Câmara, assessores, amigos e familiares. Parabéns, Néia.< /font>

PALESTRA – Será logo mais às 20 horas, no auditório da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), a palestra a ser proferida pelo advogado Álvaro Guilherme Ribeiro Matos, sobre a reforma trabalhista, aprovada pelo Congresso Nacional, que promoveu mudanças na legislação. A iniciativa da diretoria da CDL, presidida pelo empresário Ernandes Ferreira, visa pontuar as mudanças, que repercutem na relação entre empresários e colaboradores. Além disso, o advogado, que é ex-presidente da 11ª Subseção da OAB e professor universitário, responderá perguntas e tirará dúvidas dos empresários. Como o tema é de interesse geral, a previsão &eacut e; de auditório lotado.

HOMENAGEM – Centenário do nascimento do empresário e ex-deputado federal Luiz de Paula Ferreira será lembrado pela Assembleia Legislativa, em Belo Horizonte, através da entrega de diploma com voto de congratulações. A homenagem será feita em audiência pública da Comissão de Desenv olvimento Econômico nesta terça-feira, às 15 horas, no Auditório José Alencar Gomes da Silva. A reunião atende a requerimento do deputado Gil Pereira, do PP, pelo relevante papel que ele desempenhou em prol do Norte de Minas, das mais diferentes formas. Seu Luiz, como sempre o chamei, é, sem dúvida, uma das maiores lideranças da região, de todos os tempos.

Para ler a coluna completa Assine aqui o JN Notícias

Comentários